.status-msg-wrap{display: none;}

segunda-feira, 31 de março de 2014

Prestações de contas de programas da Educação devem ser enviadas até 30 de abril

Pref. Ouricuri (PE)Pref. Ouricuri (PE)
O prazo para a prestação de contas do Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae), Programa Nacional de Apoio ao Transporte Escolar (Pnate) e do Programa Dinheiro Direto na Escola (PDDE) termina no dia 30 de abril. A Confederação Nacional de Municípios (CNM) esclarece que a prestação é referente aos recursos recebidos no exercício de 2013.

A CNM recomenda que os gestores municipais não percam este prazo. Até o momento, dos 5.568 Municípios, 2.963 enviaram os dados da prestação de contas, informa o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE). O envio da prestação de contas deve ser feito por meio do Sistema de Gestão de Prestação de Contas (SiGPC), disponível no site do FNDE.
Os gestores devem acompanhar as informações e as datas, pois o não cumprimento do prazo estabelecido implica na suspensão dos repasses dos recursos. Isso faz com que o Município fique impedido de receber transfrências voluntárias da União.
Pref. Cuiabá (MT)Pref. Cuiabá (MT)Quem não tem acesso ao Sistema
Para quem não tem acesso ao Sistema, o FNDE disponibilizou um roteiro para cadastramento no módulo “PC Online” do SiGPC. Os principais passos são: Possuir as informações sobre “usuário e senha”, disponibilizados por e-mail, os dados do gestor responsável pelo Município - conforme registrados na Receita Federal -, e o cadastro da entidade junto ao FNDE; Após entrar no sistema e digitar todas as informações solicitadas, o acesso será validado, e, após confirmação do cadastro no sistema, outras informações serão solicitadas, como atualização de dados, confirmação de senha etc.;  Depois de cadastrado no sistema, é importante acompanhar as informações enviadas pelo FNDE no sistema.

O presidente da CNM, Paulo Ziulkoski, destaca a importância dos gestores  estarem atentos aos prazos e que façam o acesso com frequência no portal do FNDE, para que não percam  as datas definidas para a prestação de contas. Assim eles evitam a situação de inadimplência  e suspensão dos repasses de recursos federais.
Acesse o Sistema de Gestão de Prestação de Contas
Cadastramento aqui
Acompanhamento de informações aqui

INSCRIÇÕES ABERTAS PARA JOVENS EMPREENDEDORES SOCIAIS



Ousadia, capacidade de inovação e potencial para transformar o mundo. Se você reúne essas características e tem entre 15 e 35 anos, esta é a última semana para se inscrever na seleção de novos integrantes da Rede Wings For Change, uma comunidade de jovens empreendedores sociais que recebem apoio para ampliar o impacto de suas iniciativas. Podem participar ativistas, fundadores de negócios sociais, líderes comunitários e responsáveis por ONGs.

No total serão selecionados cinco novos membros. Eles passarão a integrar a Rede, que já é composta por outros 10 empreendedores sociais que foram selecionados no ano passado. Além de receber um fundo de impulso no valor de R$ 5.000, os integrantes terão a oportunidade desenvolver um planejamento do seu negócio social, criar conexões com futuros parceiros, realizar viagens de aprendizado e consultar experts relacionados com a área jurídica, contábil, de comunicação e de captação de recursos. Eles também têm acesso a bolsas de estudos de escolas parceiras para ampliar o seu conhecimento.

Para participar da seleção é importante que as iniciativas já tenham um histórico de realizações. Os candidatos devem gravar um vídeo de até três minutos respondendo à pergunta: "O que você está fazendo pra mudar o mundo?”. Em seguida, eles devem publicar esse conteúdo no YouTube e enviar o link para rede@wingsforchange.org.br. O e-mail deve conter informações sobre o empreendedor, incluindo o nome, idade, cidade, estado e telefone de contato.

Uma equipe Instituto Asas irá analisar os vídeos enviados e escolher 15 finalistas, que serão chamados para participar de um painel de entrevistas. Após a indicação dos cinco selecionados, como uma etapa final, eles receberão uma visita da coordenação para apresentar de perto o projeto desenvolvido por eles e formalizar a participação de Rede Wings for Change.

O movimento Bike Anjo é uma das iniciativas que já integram a Rede. No projeto, ciclistas experientes ensinam gratuitamente pessoas com menos experiência a andar de bicicleta com segurança na cidade. De acordo com João Paulo Amaral, coordenador da iniciativa, a participação na Rede foi importante para estruturar o projeto, pensar em formas de sustentação financeira e atuar no planejamento de campanhas para adesão de novos voluntários. "A gente começou a entender que fazia um empreendimento social, mas precisava desenvolver uma bagagem estratégica para isso”, contou.

Segundo Amaral, uma dica fundamental para os candidatos que pretendem se inscrever é apresentar com clareza o projeto, além de mostrar como a organização atua e quais são os impactos que ela promove na comunidade. "É fundamental ter um projeto convincente e que possa mobilizar as pessoas para

Fonte: Portal PORVIR

Pesquisa diz que uso de cocaína entre jovens foi maior do que o da maconha

PCMGPCMGO uso da cocaína – matéria base do crack – tem crescido entre os jovens de 14 a 25 anos, conforme indica uma pesquisa promovida pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp). O levantamento diz que das drogas ilícitas mais consumidas no Brasil, a maconha perde lugar para a cocaína em meio a um grupo específico: mulheres, jovens.

De acordo com os dados, 2% das meninas entrevistas nessa faixa etária relataram ter usado cocaína no último ano, e apenas 1,4% disseram ter fumado maconha. Entre os homens, as proporções são de 5% e 8,3%, respectivamente. A preferência pela cocaína entre as mulheres é um fenômeno raramente observado em outros países, segundo o estudo. No geral, a maconha costuma ser a droga mais difundida, independentemente de gênero. 

Para a psicóloga e doutora em psiquiatria Ilana Pinksy, o índice é surpreendente e reflete a facilidade de se obter cocaína no Brasil, que faz fronteira com grandes produtores da droga, tais Paraguai e Colômbia. "Outra possibilidade é que as mulheres estejam evitando a maconha porque ela aumenta a fome, com a famosa larica, e faz engordar. Daí acabem se iniciando com a cocaína", afirma Pinksy. 

Para a pesquisa, foram entrevistadas 4.607 pessoas, em 149 Municípios, durante o ano de 2012 – mas em relação ao uso de tóxicos em 2011. Para os resultados atuais, foram consideradas as respostas de 1.742 entrevistados, que tinham até 25 anos. 

Com informações da Folha de S. Paulo

Missão Pedagógica no Parlamento está com inscrições abertas

Desde o dia 24 de março estão abertas as inscrições para o programa Missão Pedagógica no Parlamento. O programa, que está na quarta edição, é uma capacitação em educação para democracia exclusiva para professores de escolas públicas, conduzido pela Câmara dos Deputados. As inscrições vão até o dia 16 de maio.
Para ingressar no programa, o professor terá de participar do curso “Educação para Democracia e o Parlamento”. Serão disponibilizadas oito vagas por estado, totalizando as 216 vagas. A inscrição no curso será realizada por formulário eletrônico, e as vagas serão preenchidas por sorteio eletrônico.
Caso não haja inscritos de determinado estado, a vaga será remanejada para outros estados da mesma região, priorizando aqueles com maior número de habitantes. A participação no programa será possibilitada aos 54 professores com melhores desempenhos no curso.
Para participar do curso “Educação para Democracia e o Parlamento”, o professor terá de estar atualmente trabalhando como regente dos Ensinos Fundamental e/ou Médio em escola pública; apresentar Termo de Ciência e Recomendação da escola; não e ter participado de nenhuma edição do Programa Missão Pedagógica no Parlamento oferecido pela Câmara dos Deputados. O encontro presencial será realizado entre 31 de agosto e 6 de setembro.
 
Fonte: http://www.rneducacao.com/ 

sexta-feira, 28 de março de 2014

PARABÉNS!!!!!!!

Hoje é dia de celebrar a vida e agradecer a Deus por mais um ano de bençãos na vida de Elenimar Gurgel. Nossa querida "Mazinha" está fazendo aniversário e o presente é nosso, por convivermos com uma pessoal tão especial. Feliz Aniversário!

Elenimar Gurgel - 11 de Março
♫ ... Que Jesus abençoe essa nossa irmã...♫
Emoji Emoji Comemoração EmojiEmojiEmoji
 

Festejando Juntos Sempre!

quinta-feira, 27 de março de 2014

Olimpíada Internacional Matemática Sem fronteiras 2014 - inscrições abertas até 9 de abril

Prezado(a) Diretor(a),

Convidamos seus estudantes a participar da Olimpíada Internacional Matemática sem Fronteiras 2014 - edição Brasil!

É a maior olimpíada de Matemática interclasses do mundo e podem participar estudantes do Ensino Fundamental I e II e Ensino Médio - regular e técnico.

Inscrições até 9 de abril pelo site:  www.matematicasemfronteiras.org


A Olimpíada é uma iniciativa da Academie de Strasbourg - França e é coordenada no Brasil pela Rede POC com apoio do Consulado Geral da França em São Paulo, da Universidade Metodista de São Paulo e do Cenpec - Centro de Estudos e Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária.

quarta-feira, 26 de março de 2014

Meu sobrinho Vinicius Samuel defendeu sua tese de Doutorado na UFRN

Dr. Vinicius Samuel Valério de Souza.
É com imensa satisfação e alegria que parabenizo meu querido sobrinho Vinicius Samuel Valério de Souza.

Às 15:00hs dessa Segunda-feira (17/03/2014), meu sobrinho Vinícius Samuel Valério de Souza defendeu sua tese de doutorado pelo Programa de Pós-Graduação em Engenharia Elétrica e de Computação (PPGEEC) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN).

Vinícius é filho de João Valério Filho (mais conhecido como Dandão) e Cecy Fernandes de Souza Valério (minha irmã) e morou praticamente sua vida inteira em nossa amada cidade Apodi, estudando até o término do ensino médio no Centro Educacional Pequeno Príncipe.

Aos 17 anos, Vinícius ingressou no curso de Engenharia de Computação da UFRN, no qual, além de graduar-se, também fez mestrado e doutorado no referido curso. Em relação a sua tese, Vinícius propôs um mecanismo voltado a permitir o uso de redes sem fio para o monitoramento remoto de pacientes em ambientes hospitalares, tais como hospitais, clínicas, etc. Seu trabalho teve a orientação dos professores Gláucio Bezerra Brandão e Ricardo Alexsandro de Medeiros Valentim, ambos da UFRN, e ambos responsáveis pela coordenação do Laboratório de Inovação Tecnológica em Saúde (LAIS), referência nacional em pesquisas e desenvolvimento de produtos na área de saúde.

Além de recém-doutor, Vinícius também é professor efetivo das UFERSA, onde passou seus últimos 3 anos e 7 meses lotado no Campus de Angicos, do qual foi recentemente transferido para o Campus de Pau dos Ferros.

Na oportunidade, caso deseje conhecer o LAIS e saber mais acerca de seus produtos e pesquisas, segue o link: http://www.huol.ufrn.br/lais.php.

E pensar que até um tempo atrás Vinicius era meu aluno. Como é bom ver o seu sucesso. Quanta satisfação em presenciar um momento singular como esse. Parabéns meu amado sobrinho Dr. Vinicius. Toda felicidade e sucesso. Que o poderosos Deus continue iluminando seus caminhos. Sinta-se abraçado em nome de toda família.

Nota do Blog: Dr Vinicius é filho da professora efetiva Cecy Fernandes que atualmente está lotada e coordenando o Programa Nacional  Pela Alfabetização na Idade Certa  (PNAIC) na Secretaria Municipal de Educação e Cultura de Apodi. Parabéns Cecy!

Fonte: Blog do Toinho

PROGRAMA ATLETA NA ESCOLA




Está aberta a adesão de escolas ao programa Atleta na Escola. Podem participar unidades públicas e privadas da educação básica, que tenham matrícula de estudantes de 12 a 17 anos. A adesão pode ser feita até 30 de abril, no Programa Dinheiro Direto na Escola (PDDE interativo), informando as modalidades esportivas que serão desenvolvidas e o número de estudantes.

terça-feira, 25 de março de 2014

(QUADRO) PARABÉNS AO NOSSO FUNCIONÁRIO

Registramos com muito carinho a passagem do aniversário hoje dia (25/03) da nossa colega de trabalho NATIVA CÂMARA. Na sublimidade deste dia, os seus colegas de trabalho, desejam que todos seus sonhos sejam realizados. Que Jesus atenda os desejos de seu coração, com carinho.                 

Parabéns e um feliz aniversário, com muita saúde, felicidades, prosperidade e muitos anos de vida. Que Deus proteja sempre você hoje e sempre! É o desejo sincero de todos nós que fazemos a Secretaria Municipal de Educação de Apodi/RN.

Nativa proporcionou um excelente café da manhã para todos os funcionários e colegas de trabalho. 

Veja alguns registros!
















Equipe da SEMECrealiza atividade do eixo Gestão, mobilização e Controle Social do PNAIC


Neste dia 24 de março realizamos mais uma atividade do EIXO: Gestão, Mobilização e Controle Social do PACTO NACIONAL PELA ALFABETIZAÇÃO NA IDADE CERTA.
 Na oportunidade a Coordenadora Local do PNAIC Cecy Fernandes, juntamente com os Orientadores de Estudos a Professora Aleane Morais e o Professor Nilson Freitas apresentaram a proposta de trabalho para 2014 levando em consideração os Direitos de Aprendizagem que deverão ser assegurados aos alunos em cada ano escolar. Além disso foi discutida a avaliação no Ciclo de Alfabetização, além da Rotina e da Sequência Didática. Contamos com a presença da Secretária Municipal de Educação Mara Duarte, dos Professores Alfabetizadores e dos Apoios Pedagógicos das Escolas Municipais.





segunda-feira, 24 de março de 2014

Dados do Censo 2013 podem ser enviados até 8 de abril


As escolas têm até 8 de abril para enviar os dados da segunda etapa do Censo Escolar da Educação Básica 2013 sobre rendimento e movimento escolar dos alunos. A nova data foi publicada no

Esta etapa se refere à situação do aluno ao final do ano letivo e inclui informações sobre rendimento (aprovado ou reprovado) e movimento (transferido, deixou de frequentar ou falecido).

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) recolhe, anualmente, por meio do Educacenso, sistema de coleta de dados via internet, informações detalhadas sobre escolas, alunos, professores e turmas de todas as etapas e modalidades da educação básica do país.

Censo – O Censo Escolar é o principal e mais completo levantamento de dados estatístico-educacionais de âmbito nacional realizado todos os anos e coordenado pelo Inep. As informações coletadas permitem traçar um panorama nacional da educação básica, referência para a formulação de políticas públicas e execução de programas na área da educação.

Confira o novo cronograma.

O Censo Escolar é o principal e mais completo levantamento de dados estatístico-educacionais de âmbito nacional realizado todos os anos e coordenado pelo Inep. As informações coletadas permitem traçar um panorama nacional da educação básica, referência para a formulação de políticas públicas e execução de programas na área da educação.

(QUADRO) PARABÉNS AO NOSSO FUNCIONÁRIO


Existem missões que são extremamente sublimes nesta vida, algumas imitam a nobreza do amor de Deus, outras a justiça, a cultura, a saúde, projetos, sonhos, realizações, mas todas são exercidas por profissionais.

Independente de qual seja ela merece o respeito, gratidão e agradecimentos.

Juvanci é um profissional e amigo digno da mais profunda admiração pela forma incansável, com a qual de dedica aos seus objetivos, profissão, família e amigos com determinação.

Não poderíamos deixar de prestar-lhes as nossas homenagens neste dia tão especial.
Somos grato porque temos a sua amizade e companheirismo no trabalho.

Parabéns! Feliz Aniversario! Com muita saúde, felicidades, prosperidade e muitos anos de vida. Que Deus proteja sempre vós.


É o desejo sincero de todos nós que fazemos a Secretaria Municipal de Educação e cultura de Apodi. 

sexta-feira, 21 de março de 2014

ÚLTIMO DIA PARA AS ESCOLAS REALIZAR A INSCRIÇÃO NA OLIMPIADA BRASILEIRA DE MATEMÁTICA



http://www.obmep.org.br/
Todas as escolas públicas do país (municipais, estaduais e federais) com alunos do 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental e Ensino Médio poderão inscrever seus alunos na 10ª Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas - OBMEP 2014, até o dia 21 de março, pelo sitewww.obmep.org.br. A prova da 1ª fase será aplicada no dia 27 de maio.

A OBMEP é uma atividade do Instituto de Matemática Pura e Aplicada (IMPA), que conta com apoio da Sociedade Brasileira de Matemática (SBM) e com recursos do Ministério da Educação e do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação. Criada em 2005, tem como objetivos estimular o estudo da matemática nas escolas públicas e revelar talentos. A primeira edição da Olimpíada envolveu 10,5 milhões de alunos de 31 mil escolas (localizadas em 93,5% dos municípios brasileiros). Hoje a OBMEP mobiliza mais de 19 milhões de alunos de cerca de 47 mil escolas (localizadas em 99,3% dos municípios brasileiros).

Para marcar os 10 anos da Olimpíada, o IMPA também lançou o Portal da Matemática, composto de vídeo-aulas de aproximadamente 10 minutos e outros conteúdos interativos correspondentes aos tópicos da grade curricular das escolas brasileiras desde o 6º ano do Ensino Fundamental ao 3º ano do Ensino Médio. O Portal é mais uma iniciativa do IMPA, conhecido por sua excelência na pesquisa e no ensino de pós-graduação (mestrado e doutorado), no sentido de democratizar e facilitar o acesso de todos (professores, alunos e familiares de alunos) a conteúdos de alta qualidade na área de matemática.
Provas e premiações
A olimpíada tem duas etapas de provas. A primeira, com 20 questões objetivas de múltipla escolha, será aplicada por professores, na própria escola, em 27 de maio. Do desempenho dessa fase, a Obmep seleciona cerca de 5% dos estudantes, por escola, com melhor pontuação que vão participar da segunda etapa, que acontecerá em 13 de setembro. A divulgação dos vencedores será em 1º de dezembro.

A Obmep vai premiar 6,5 mil estudantes, sendo 500 com medalhas de ouro, 1,5 mil com medalhas de prata e 4,5 mil, de bronze. Além de medalhas, os 6,5 mil estudantes serão convidados a participar do Programa de Iniciação Científica Júnior, em 2015. A premiação compreende, ainda, a distribuição de até 46,2 mil menções honrosas. Professores, escolas e secretarias de educação com alunos vencedores também receberão prêmios.

Apoio do MEC
O lançamento oficial da décima edição da Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (Obmep) ocorreu nesta sexta-feira, 14, no Rio de Janeiro. Na cerimônia, foi exibido um depoimento gravado pelo ministro da Educação, Henrique Paim, ressaltando a importância do evento na melhoria da qualidade da educação brasileira. 

“Esse evento mobiliza o conjunto dos estudantes para se prepararem mais. A médio e longo prazo isso ajudará o Brasil a avançar ainda mais”, afirmou Paim em seu depoimento. O ministro ainda lembrou que no último Programa Internacional de Avaliação de Alunos (Pisa), o Brasil foi o país que mais avançou em matemática. 

Confira o regulamento, a ficha de inscrição, o calendário, a distribuição de medalhas e demais informações na página da Obmep 2014 
Com informações do site da Obmep 2014 e do Portal do MEC.

quinta-feira, 20 de março de 2014

LINK DA INSCRIÇÃO DE CORRIDA DE RUA SERÁ REALIZADA ATÉ AS 10:00 DA MANHÃ (DIA 22/03)

O Blog disponibiliza outra o link de inscrição da Corrida de Rua, no próximo dia 23, a partir das 8hs da manhã.

A prefeitura informa que será R$ 4 mil em premiação, além de troféus e medalhas. A Corrida de Rua faz parte da programação da festa de Emancipação Política: Apodi 179 de muita história...

OBS: As inscrições serão realizadas aqui no blog até as 10:00 da manhã dia 22/03.

quarta-feira, 19 de março de 2014

ESCOLA PÚBLICA DE CIDADE DO PIAUÍ TEM ALUNOS MOTIVADOS E ÓTIMOS RESULTADOS

No Brasil, temos 40 milhões de alunos. Ou seja, um quinto da população está na escola. Somos a sexta maior economia do mundo, mas na educação, estamos em 88º lugar. Os professores ganham mal e os alunos não gostam das aulas. Por que tem que ser assim?
"A gente tem no Brasil uma tendência de arrumar culpado. E quando você vai no fundo, cadê o culpado? O culpado morreu há 30 anos e você está oprimido por aquele culpado. A gente tem que tomar conta do Brasil”, afirma Viviane Mosé, filósofa.

Algumas escolas já começaram a tomar conta do Brasil. O Fantástico pesquisou e encontrou escolas públicas em áreas pobres que possuem uma educação com qualidade de primeiro mundo, com médias melhores que as de escolas particulares e aprovando a maioria dos alunos no vestibular.
"Nós chegamos a ter instantes dentro dessa escola que tínhamos que expulsar os alunos, no bom sentido. Aqui parecia que era o melhor lugar. O menino estudava de manhã, mas ele queria ficar à tarde, queria ficar à noite, queria passar a madrugada estudando, porque aqui ele se sentia bem”, conta Narjara Benício, diretora regional.

A equipe do Fantástico viajou 12 mil quilômetros pelo Brasil, visitou escolas, conversou com pais, alunos, professores, especialistas na área de educação e com pessoas que vieram de escolas públicas.
Na série Educação.doc , viaje com o Fantástico e descubra o segredo dessas escolas públicas de alta qualidade.

O primeiro destino é Cocal dos Alves, no Piauí, uma pequena cidade, de economia rural, em um dos estados mais pobres do Brasil. Lá, a escola Augustinho Brandão já acumula dezenas de medalhas em Olimpíadas de Matemática e Química, e prêmios nacionais de astronáutica, astronomia e física. No Enem, está acima da média nacional.
"Em 2010, a escola aprovou todos os alunos que fizeram o vestibular. Todos”, destaca Aurilene Vieira, diretora.
"Se o pessoal se conscientizasse que a educação pode transformar, ia acontecer uma grande diferenciação. E foi o que aconteceu nesse colégio. Conscientizar tanto alunos quanto professores”, diz Franciele de Brito, aluna.
"Eu ouvi a vida toda que a educação pública é uma educação de péssima qualidade. Cresci ouvindo isso. E eu faço de tudo para mudar essa realidade. Eu acredito na escola pública. Não é possível que não dê certo em um país tão lindo, tão cheio de diversidades culturais, tão rico, não tem por que a educação não dar certo”, afirma Socorro Vieira, professora.

A mudança em Cocal dos Alves começou em 2003, quando a diretora Narjara e um grupo de professores receberam a missão de abrir a primeira escola de ensino médio da cidade.
"Aqui, nesse início de trabalho, vivenciamos as situações mais adversas que o público possa imaginar, de falta de tudo. Mesmo assim o trabalho aconteceu. Quando aconteceu, os apoios, aquilo que já era para estar sendo fomentado naturalmente, aconteceram”, revela Narjara Benício, diretora regional.

Para abrir a escola era necessário que os professores fizessem uma especialização na universidade. E isso foi feito.
"Na tentativa de ingressar os professores na universidade, tivemos nossos primeiros embates políticos. Aconteceu que no primeiro ano, nos esforçamos bastante para que todas as pessoas que ingressassem por Cocal dos Alves, para estar no ensino superior, fossem de Cocal dos Alves. E para isso, eu tive que fazer uma loucura. Porque aí tem: ‘Ah, queria beneficiar o fulano da cidade vizinha, porque é meu parente ou meu colega’. E eu tive meu primeiro embate. Disse: ‘Olha, eu não permito isso’. Se são os recursos de Cocal dos Alves que estão sendo usados, é para beneficiar o pessoal de Cocal dos Alves. E para isso tive que esconder papel timbrado, para não darem nenhuma declaração para as pessoas que não eram de Cocal dos Alves. Queriam fazer uma ‘farrinha’ com as declarações para aproveitar as vagas. Aí, foi minha primeira briga”, lembra a diretora.

Depois que ela conseguiu enfrentar o sistema e formar um grupo de professores de Cocal dos Alves, eles se reuniram e fizeram um pacto para tentar fazer uma escola de qualidade que conseguisse colocar os alunos nas melhores faculdades da capital do estado, Teresina.
"Nosso maior desafio foi fazer os alunos acreditarem nisso. Alunos filhos de pais analfabetos, da roça, que só tinham o que comer, que só dava para o sustento, a roupinha ruim. Então para fazer esses meninos viajarem nesse sonho, de que era possível sem ter dinheiro, sem ter uma roupa boa, ir lá para Teresina, para a capital, estudar lá. Foi necessário o sonho. Acreditar no sonho. Quando a gente conseguiu fazer esse povo acreditar mesmo que era possível estudar fora, se formar e mudar de vida, pronto. O aluno entra na escola Augustinho Brandão e já começa a sonhar: ‘o que eu vou querer ser?’”, afirmou Aurilene Vieira, diretora.
"Eu não vejo uma missão maior para a escola do que compartilhar esse conhecimento para que a pessoa consiga encontrar o lugar dela no mundo. Então, a escola, sim, é a grande mola propulsora que empurra as pessoas para a direção do sonho delas”, destaca Emicida, músico que estudou em escola pública.

Os alunos criaram um jornal que é distribuído por toda a cidade.
"Nós percebemos a necessidade de trazer a notícia para o povo”, diz uma das estudantes que criam o ‘Jornal Social’.
"Não tem nenhum intelectual que pode sentar, por mais genial que seja, e dizer: ‘eu sei a saída para a educação brasileira’. Porque não tem uma saída. São muitas. É assim que eu faço o diagnóstico, não só da educação, mas da sociedade. Tudo está no chão. Algumas coisas muito interessantes começam a brotar de modo novo, corajoso”, afirma Viviane Mosé.

"A escola tem recebido caravanas e caravanas com estudantes e estudiosos da educação para saber o que acontece aqui. Eu digo: ‘não precisa não’. Basta que cada um faça o seu papel e faça isso com engajamento. Seja professor que você quer ser professor e não porque lhe falta opção na vida. Seja gestor porque você quer conduzir aquela escola proporcionando o melhor para o aluno, e não porque você quer fugir de uma sala de aula. Seja sistema porque você tem ideias para contribuir e quebrar os paradigmas que forem necessários.

Então a partir do momento que cada um de nós enquanto sistema, enquanto professores, enquanto pai de aluno focarmos no principal do processo que é o aluno, isso pensando nele enquanto profissional, ser humano, criança, adolescente, respeitando suas peculiaridades, sua faixa etária. Nós pensarmos nisso com valores e não nos moldes que está se perpetuando: ‘cada um por si e deus por todos’”, ressalta Narjara Benício.
"Quando o pessoal cair na real e perceber que não tem outra forma de se ter um futuro melhor sem ser pela educação, aí vai acontecer a grande diferença, a grande melhoria”, destaca Franciele de Brito, aluna.

Veja o vídeo aqui. http://g1.globo.com/fantastico/noticia/2014/03/escola-publica-de-cidade-do-piaui -tem-alunos-motivados-e-otimos-resultados.html




Fonte: Fantástico